quinta-feira, 24 de março de 2011

NÃO CONFIE EM CARROS, NEM EM CAVALOS! CONFIE NO SENHOR!!


Em quem ou em que você tem colocado a sua verdadeira confiança? Tem sido nos seus bens materiais? no seu cargo onde trabalha? no seu sucesso? Ou tem sido em DEUS?

"Uns confiam em carros, outros, em cavalos; nós, porém, nos gloriaremos
em o nome do SENHOR, nosso Deus. Eles se encurvam e caem; nós, porém, nos levantamos e nos mantemos de pé."
(SALMOS 20:7-8)


O salmista nos mostra, nessas palavras, que alguns homens confiam no que tem, nos seus bens e em suas forças, aqui representados pelos carros e os cavalos. A verdade é que não se pode confiar em nada, ter esperança em coisa alguma ou dar louvor a nada, que não seja ao SENHOR. Muitos homens confiam em suas realizações pessoais, em suas conquistas e acabam vangloriando-se, se enchendo de orgulho, vaidade e soberba. Tudo isso em busca com o intuíto de exaltação, do louvor para si mesmos! "Porquanto qualquer que a si mesmo se exaltar será humilhado, e aquele que a si mesmo se humilhar será exaltado." (Lucas 14:11) O salmista demonstra que os que confiaram nos carros e nos cavalos, se encurvam e caem, porém os que confiam em Deus, se levantam e se mantém de pé! Deus os levanta e os fortalece!

O homem não deve se gloriar em si mesmo, mas dar toda glória a Deus! Se você tem inteligência, muita sabedoria, riquezas ou status na sociedade, seja humilde e reconheça o favor de Deus em sua vida. "Assim diz o SENHOR: Não se glorie o sábio, na sua sabedoria, nem o forte, na sua força, nem o rico, nas suas riquezas; mas o que se gloriar, glorie-se nisto: em me conhecer e saber que eu sou o SENHOR e faço misericórdia, juízo e justiça na terra; porque destas coisas me agrado, diz o SENHOR." (Jeremias 9:23-24)

Analisando mais a fundo, vemos hoje pessoas que não buscam a Deus, podem, até dizer que buscam, mas na prática é notório em suas atitudes que não é verdade! Pessoas que não tem tempo para as coisas de Deus! Estão tão preocupadas com os seus afazeres, os seus negócios, com os seus relacionamentos, e tem se esquecido das coisas do SENHOR! Um exemplo bem prático: pergunte a essas pessoas quantas vezes por mês elas saem para se divertir, irem a shows, boates, beber até cair, falar mal dos outros, tardes inteiras na televisão, filmes, shopping, passear ou viajar. Agora pergunte a essas mesmas pessoas se elas pelo menos conhecem e entendem um pouco da Bíblia, se elas tem o hábito de estudar a palavra de Deus, se elas tem costume de orar ou de ir a uma igreja 1 vez por semana, ir em uma célula, ou pelo menos ouvir/ler uma mensagem que fale de Deus na rádio, internet ou coisas semelhantes a essas?

Muitas respostas podem surgir como:

- Eu já estou bem com Deus, não preciso ficar indo na igreja.
- Olha eu acredito em Deus, mas não quero me envolver com religião
- Quando eu ficar velho, tiver minha familia, vou me dedicar a Deus.
- Eu busco ser uma pessoa boa, ajudo as pessoas, mas não quero ter compromisso de ir aos cultos...
- Eu faço minhas rezas, mas não tenho tempo, acho melhor ficar como está
- Não, eu acho muito fanatismo... as coisas não são bem assim...

Vejamos o que nos a palavra de Deus nos ensina:

"Porém, ele lhe disse: Um certo homem fez uma grande ceia, e convidou a muitos.
E à hora da ceia mandou o seu servo dizer aos convidados: Vinde, que já tudo está preparado. E todos à uma começaram a escusar-se. Disse-lhe o primeiro: Comprei um campo, e importa ir vê-lo; rogo-te que me hajas por escusado. E outro disse: Comprei cinco juntas de bois, e vou experimentá-los; rogo-te que me hajas por escusado. E outro disse: Casei, e portanto não posso ir. E, voltando aquele servo, anunciou estas coisas ao seu senhor. Então o pai de família, indignado, disse ao seu servo: Sai depressa pelas ruas e bairros da cidade, e traze aqui os pobres, e aleijados, e mancos e cegos. E disse o servo: Senhor, feito está como mandaste; e ainda há lugar. E disse o senhor ao servo: Sai pelos caminhos e valados, e força-os a entrar, para que a minha casa se encha. Porque eu vos digo que nenhum daqueles homens que foram convidados provará a minha ceia." (Lucas 14:16-27)

Podemos ver que essas pessoas tiveram a oportunidade mas não a souberam aproveitar! Não valorizaram o chamado de Deus para as suas vidas "Porque muitos são chamados, mas poucos escolhidos." (Mateus 22:14), preferiram investir o seu tempo praticamente e tão somente nas coisas terrenas e não se preocuparam com as coisas celestiais. Nos exemplos que citei, de uma forma indireta, elas dizendo com suas atitudes, que estão confiando em si mesmas, que não tem problema algum seguir a Deus da maneira delas. No fundo elas sabem que estão erradas, mas não querem admitir. Há também aqueles que chegam a admitir, porém se acham sujos de mais, impuros, para estarem na igreja com o povo de Deus. Mas a vocês eu digo: Venham como estão, Deus ama vocês como vocês são, porém, ele não vai deixar vocês como estão, ele vai trabalhar o interior de cada, para se tornarem novas criaturas em Cristo Jesus, e depois aperfeiçoa-los até o recebimento do corpo de glória.

"Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus; não de obras, para que ninguém se glorie"
(Efésios 2:8-9)


A Salvação é pela graça, através da fé em Jesus Cristo. A graça é o perdão de Deus na tua vida, você não merece, mas ele te perdoa, pois, seu amor é incondicional "Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna." (João 3:16)

Resumindo, para ser Salvo, você depende EXCLUSIVAMENTE, DO PERDÃO DE DEUS, através de JESUS CRISTO. E para você ser perdoado, é necessário, Confessar os seus pecados, decidir abandonar os seus pecados e não praticá-los mais e pedir o perdão ao SENHOR! Isso se chama ARREPENDIMENTO! pedir perdão sem abandonar é apenas REMORSO!

POR FIM:

"E disse-lhes: Acautelai-vos e guardai-vos da avareza; porque a vida de qualquer não consiste na abundância do que possui. E propôs-lhe uma parábola, dizendo: A herdade de um homem rico tinha produzido com abundância; e ele arrazoava consigo mesmo, dizendo: Que farei? Não tenho onde recolher os meus frutos. E disse: farei isto: derrubarei os meus celeiros, e edificarei outros maiores, e ali recolherei todas as minhas novidades e os meus bens; E direi a minha alma: Alma, tens em depósito muitos bens para muitos anos; descansa, come, bebe e folga. Mas Deus lhe disse: Louco! esta noite te pedirão a tua alma; e o que tens preparado, para quem será? Assim é aquele que para si ajunta tesouros, e não é rico para com Deus." (Lucas 12:15-21)

Não há problemas em ter bens materias, o problema está em como o coração do homem irá se comportar com esses bens. Soberbo? Orgulhoso? Rebaixando as pessoas? Se lembrará de Deus? Observamos nesse texto, a grande insatisfação interior desse homem, ele já era rico, ja tinha abundância, mas não se continha, sempre mais e mais.. provavelmente mesmo tendo ampliado o que ja tinha, devido ao seu coração, ia querer mais e mais.. nunca teria limite...se tornara escravo de seus próprios bens! Além disso o homem confiou em suas conquistas para viver, quando disso que teria muitos anos; que a alma dele iria comer, beber e folgar. Ele nem sabia com seria o seu próximo dia, e achou que por ser rico tudo iria bem. Porém o dia, de acertar as contas de tudo o que fez nessa terra estava prestes a chegar...
E ai, como fica? A riqueza para Deus está em fazer a sua vontade, a sua obra, demonstrar o amor dele na vida das pessoas, isso sim gera riqueza para com Deus! Sua vida aqui, será como um sonho, na eternidade! Se você quiser passar a eternidade com Deus, prepare-se desde já, não deixe para amanhã, ou você poderá passar a eternidade sem ele!

"Buscai ao SENHOR enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto. Deixe o ímpio o seu caminho, e o homem maligno os seus pensamentos, e se converta ao SENHOR, que se compadecerá dele; torne para o nosso Deus, porque grandioso é em perdoar." (Isaías 55:6-7)


Rafael de Matos Carvalho
membro do grupo de intercessão
do Conexão, Sara Nossa Terra - Sudoeste/DF
matos.negocios@hotmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário